Assembleia de Sócios do CEBRAP vai definir diretoria da gestão 2017-2018

Nesta sexta-feira, 12/5, será realizada no auditório do CEBRAP, durante Assembleia de Sócios, a escolha dos membros que vão compor a diretoria na gestão do biênio 2017-2018. Ainda na cerimônia, a atual diretoria vai fazer um balanço da gestão 2015-2016, destacando as principais iniciativas implantadas.

Em 2016, importantes projetos especiais foram iniciados:

O Cebrap também avançou na área de comunicação e difusão de conhecimento, com iniciativas como:

  • Diálogos Cebrap-Folha, fórum mensal de debates sobre a conjuntura nacional
  • Novo site do Cebrap e da revista Novos Estudos Cebrap
  • Nova fase da Biblioteca Virtual, com organização e digitalização do acervo do Cebrap
  • Programa de Doações Cebrap, visando subsidiar atividades estruturantes da casa

Além de destacar as atividades acima, o balanço da gestão 2015-2016 vai mostrar o aumento do número de projetos em andamento, mesmo em um cenário econômico adverso. Atualmente, são 33 projetos em andamento, que focalizam amplo espectro temático, da agenda pública brasileira às questões da cidade de São Paulo.

Tais projetos contam com uma diversidade de parceiros e financiadores: governos, agências nacionais e internacionais de fomento, organizações da sociedade civil e empresas. A variedade em assuntos e fontes de recursos tem sido fundamental para a sustentabilidade econômica e a diversidade intelectual no Cebrap.

Diretoria da gestão 2015-2016:

Angela Alonso, presidente
Maurício Fiore, diretor administrativo
Marta Machado, diretora administrativa adjunta
Ronaldo Almeida, diretor científico
Carlos Torres Freire, diretor científico adjunto

Leia Também

A noite desta quarta-feira, 10/6, marcou o lançamento do livro 1964: do golpe à democracia, obra idealizada pelo Cebrap com apoio do BNDES. Realizado na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo, o evento contou com a presença das organizadoras da obra, as pesquisadoras Angela Alonso e Miriam Dolhnikoff, e também de alguns autores […]

Livro e documentário revivem a luta de intelectuais que fizeram do Cebrap um lugar para se repensar o Brasil e o sentido da prática política. Era 1957. Ainda levaria tempo até chegar a escuridão da ditadura militar. Mas a resistência intelectual ao autoritarismo jogava suas sementes num seminário organizado por professores assistentes da Universidade de […]

O CEBRAP lançou, em parceria com o Centro de Pesquisa de Formação (CPF) do SESC São Paulo, dois livros digitais sobre métodos e técnicas de pesquisa em Ciências Sociais. Trata-se de um conjunto de textos que aborda de modo introdutório, mas detalhado, algumas das principais questões metodológicas em matéria de pesquisas qualitativas e quantitativas na […]