Cebrap.lab anuncia cursos para o segundo semestre

Após uma bem sucedida estreia com quatro cursos no primeiro semestre de 2018, o cebrap.lab anuncia a grade de cursos para o segundo semestre do ano. O projeto, que tem como objetivo difundir conhecimento analítico através de um programa de cursos aplicados de métodos, técnicas e ferramentas de pesquisa em Ciências Sociais, traz de volta os cursos ‘Programação em R’ e ‘Análise de dados qualitativos utilizando Atlas.ti’ e mais dois novos, ‘Etnografia: explorando múltiplos fazeres etnográficos’ e ‘Introdução e ferramentas para análises quantitativas utilizando SPSS’.

Confira o calendário:

20 a 24 de agosto – Programação em R, por Leonardo Barone
17 a 21 de setembro – Análise de dados qualitativos utilizando Atlas.ti, por Monise Picanço
22 a 26 de outubro – Etnografia: explorando múltiplos fazeres etnográficos, por Priscila Vieira
5 a 9 de novembro – Introdução e ferramentas para análises quantitativas utilizando SPSS, por Victor Calil e Daniela Costanzo

Saiba mais e inscreva-se na página do cebrap.lab.

Leia Também

Na manhã desta terça-feira, 8/8, foi realizada uma cerimônia para homenagear a pesquisadora e sócia-fundadora do CEBRAP, a demógrafa Elza Berquó. Durante o evento, que contou com a presença de importantes membros da história da instituição, foi inaugurada a nova placa do auditório do CEBRAP. Agora, o espaço passa a se chamar Auditório Elza Berquó. […]

O Cebrap lamenta o falecimento de uma de suas mais antigas associadas, a Professora Maria Nazareth Ferreira. Especialista em movimentos sindicais e cultura popular, Maria Nazareth era professora titular aposentada da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.

O CEBRAP lamenta profundamente a morte de Dom Paulo Evaristo Arns, Cardeal Arcebispo Emérito de São Paulo. Além de seu apoio direto à constituição deste centro de pesquisa, sendo um dos inspiradores do livro São Paulo: crescimento e pobreza, Dom Paulo será sempre lembrado por nunca ter se omitido diante do arbítrio e da desigualdade.

Criado em plena ditadura, o Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, o Cebrap, há 40 anos estuda os problemas do País. Agora tem livro e filme sobre sua história. Aos 40 anos, uma instituição pode ser considerada velha ou apenas uma senhora que passou por experiências incomuns e começa a dar sinais de cansaço? Qualquer […]