Desafio Mobilidade Itaú-CEBRAP 2017 inicia atividades

Os cinco pesquisadores que foram selecionados para programa

Um encontro realizado na tarde desta segunda-feira, 12/6, no CEBRAP marcou o início do projeto Desafio Mobilidade Itaú-CEBRAP 2017. Os cinco pesquisadores que foram selecionados para desenvolver propostas de estudos sobre mobilidade por bicicleta no Brasil conheceram os coordenadores do projeto e ainda assistiram a aula inaugural do programa com o Dr. Eduardo Vasconcellos, que abordou o tema “Políticas de Transporte no Brasil – a construção da mobilidade excludente”.

Além de desenvolver um trabalho inédito sobre o tema nos próximos seis meses, os pesquisadores selecionados participarão de cursos e oficinas de formação de métodos e técnicas de pesquisa, grupos de discussão e encontros de orientação para a elaboração do trabalho.

Ao final do processo, os projetos farão parte uma publicação editada pelo Itaú e pelo CEBRAP. Confira abaixo o nome dos cinco pesquisadores selecionados:

 

Claudia Cosme Mascarenhas, atualmente cursa Engenharia Ambiental e Urbana pela Universidade Federal do ABC.

Guilherme Braga de Oliveira Alves, Mestrando em Políticas Públicas em Direitos Humanos – Núcleo de Estudos em Políticas Públicas em Direitos Humanos (NEPP-DH/UFRJ).

Ignacio Amigo, Doutor pela  Universidad Autónoma de Madrid e repórter sobre cidades e mobilidade sustentável.

Juliana DeCastro Silva, Mestre (M.Sc) em Engenharia de Transportes pela COPPE/UFRJ. Atualmente cursa o doutorado (PET­COPPE) e integra o Núcleo de pesquisa sobre Planejamento Estratégico de Transporte e Turismo (PLANETT).

Lucas Bravo Rosin, bacharel em Gestão de Políticas Públicas pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo e em Administração Pública pela  Facultad de Ciencias Sociales y Comunicación de la Universidad de Vigo (Espanha)

 

 

 

 

Leia Também

Paulo Todescan Mattos apresenta seminário sobre cooperações público-privadas no desenvolvimento industrial. O Estado tomador de riscos: cooperações público-privadas no desenvolvimento industrial Paulo Todescan Mattos, professor de Direito Econômico da FGV-RJ, pesquisador do CEBRAP e atualmente Diretor Vice-Presidente de Regulamentação da Oi. Foi Superintendente do BNDES. 18 de junho, sexta, às 16h no Auditório do Cebrap

He (the planetoid, remember) would ride hidden in the tail of Halley’s Comet to crash into the Earth. Or, conversely, they might assume that nobody knows a different work simply because they and their circle never heard of it. For example, two fused fighters in Dragon Ball Z.. Homecoming The Designer Replica Handbags Sellswords: A […]

Na edição deste domingo, 17/01, do jornal Folha de S.Paulo o projeto Bike Sampa, que conta com a consultoria técnica do Cebrap, foi destaque em uma reportagem que abordava o grande crescimento no uso noturno do sistema de aluguel de bicicletas por empréstimo do Itaú. De acordo com a matéria, o pico de utilização das […]

So far this year, it has employed 1,100 to 1,300. Geological Survey last released data on the value of the industry in 2009. It said raw mineral production in New Jersey was valued at $270 million, 89 percent of which was construction sand and crushed stone. Cheap Jerseys china Part of the share price gain […]