Cebrap reformula e moderniza o seu site

Em trabalho concluído agora em abril, o site do Cebrap ganhou novo design e uma nova estrutura. O objetivo foi oferecer na home o que houver de mais recente e de mais importante entre os projetos e iniciativas da instituição. O acesso a essas informações é imediato, com um clique. E a atualização dos conteúdos será agora feita com constância e regularidade. Outro destaque é o calendário, que apresenta todas as principais iniciativas do Cebrap em suas respectivas datas e horários.

O site estará agora vinculado também ao “Minuto Cebrap”, revista eletrônica recentemente criada. Os novos conteúdos do site serão anunciados através dessa news, convidando os internautas para ter acesso a essas informações. “A nova configuração deixou o site mais atraente e bonito, com mais informações sobre os projetos e iniciativas da casa”, lembra Raphael Neves, diretor científico do Cebrap. “Procuramos, ao mesmo tempo, manter a estrutura interna, que tem muito conteúdo e já é bem conhecida dos nossos pesquisadores.

A reformulação do site faz parte de uma nova dinâmica que o Cebrap vem procurando imprimir à comunicação com os seus apoiadores e parceiros, com a imprensa, com a sociedade em geral e com os seus pesquisadores. “Estamos ganhando tração nesse trabalho de comunicação e diálogo com a sociedade, inclusive através das redes sociais”, explica Neves. “É um passo necessário para a modernização da instituição nesse campo”.

Leia Também

Estudo elaborado pela Universidade de Oxford (no Reino Unido) em parceria com as universidades federais de São Carlos (UFSCar), Pernambuco (UFPE), Minas Gerais (UFMG), e o Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), apresenta que 43,9% dos jovens brasileiros, entre 16 e 26 anos, se declaram propensos a buscar carreiras militares.

Dando prosseguimento às comemorações dos nossos 50 anos, o Cebrap promove, em nova parceria com o Sesc, as Jornadas Sesc Cebrap: Pesquisa e Futuro. Pensando em uma agenda para pesquisas em ciências sociais, especialistas debatem assuntos como tecnologia, práticas culturais, drogas, raça, mobilidade e políticas públicas. Todos os debates acontecerão no Centro de Pesquisa e […]

A pandemia de covid-19 ocasionou diversas mudanças no cotidiano das pessoas que vivem nas cidades. Boa parte da população mudou seus hábitos de sair de casa e frequentar espaços abertos ou fechados e a situação de trabalho de muitos foi impactada pela crise econômica e pelos novos acordos de trabalho remoto. Entrevistando as pessoas sobre […]