Programação do II Seminário de Pesquisa do IPP

O Programa Internacional de Pós-Doutorado do Cebrap – ou IPP, de International Post-Doctoral Program – divulgou a programação do II Seminário de Pesquisa. Em dois dias, 8 e 9 de agosto, os(as) pós-doutorandos(as) das duas primeiras turmas apresentarão seus trabalhos, que tratam desde o voto evangélico até ativismo digital. Confira abaixo a programação completa.

08.08 quinta

9h50 – Abertura: Maria Hermínia Tavares de Almeida e Marta Machado

10h00-11h15 – “Pobreza como subordinação social; uma análise normativa”, por Lucas Petroni
Coordenação da sessão: Maria Hermínia Tavares de Almeida
Debatedor: Sebastián Rudas (USP)

11h30–12h45 – “Explaining the Electoral Success of Evangelical Churches in Latin America”, por Fabio Lacerda
Coordenação da sessão: Andrea Lampis
Debatedor: Sergio Simoni Jr. (UFRGS)

12h50–14h00 – almoço

14h00–15h15 – “O duplo fazer dos corpos: envelhecimento, adoecimento e cuidado na vida de uma família”, por Camila Pierobon
Coordenação da sessão: Lucas Petroni
Debatedora: Regina Fachini (UNICAMP)

15h15-16h45 – “Pareceres Divinos: a atuação dos evangélicos nas comissões parlamentares federais”, por Claudia Cerqueira
Coordenação da sessão: Tiago Hyra Rodrigues
Debatedor: Lara Mesquita (CEPESP)

17h00-18h45 – “Etnografia e ‘outreach’”, por Tiago Hyra Rodrigues
Coordenação da sessão: Claudia Cerqueira
Debatedor: Mauricio Fiore (CEBRAP)

09.08 sexta

10h00–11h15 – “Appropriating ‘Lulism’: how Brazil shaped Angola’s ideas of state 2003-2012”, por Mathias de Alencastro (SESSÃO POR SKYPE)
Coordenação da sessão: Nicole Gayard
Debatedor: Andrés Malamud (ICS-LISBOA)

11h30–12h45 – “Interações entre Estado e ativismo feminista e as transformações políticas no Brasil: 2003-2016”, por Catalina Zambrano
Coordenação da sessão: Fabio Martins da Silva
Debatedor: a definir

13h00–14h00 – almoço

14h00–14h45 – “Is there more than what meets the eye: empty spaces between the buildings of mainstream critical urban theory?”, por Andrea Lampis
Coordenação da sessão: Fabio Lacerda Martins da Silva
Debatedor: Gerardo Silva (UFABC)

15h00–15h45 – “Internet activism and the participation of diasporas in transational social movements”, por Ana Figueroa
Coordenação da sessão: Camila Pierobon
Debatedora: Debora Alves Maciel (CEBRAP)

16h00–17h45 – “Trajetórias do conhecimento nas instituições de promoção da governança global: uma análise da relação entre expertise e a política na saúde global”, por Nicole Gayard
Coordenação da sessão: Catalina Zambrano
Debatedor: Marko Monteiro (UNICAMP)

17h50 – Encerramento: Marta Machado e Maria Hermínia Tavares de Almeida

Leia Também

16 de maio de 2019 foi o terceiro e último dia do seminário “Democracia à brasileira – Cebrap 50 anos” e os debates trataram de desigualdades, religião e debates políticos do espaço público. Na quinta mesa, por exemplo, Marta Arretche (Cebrap/CEM/USP), Pablo Beramendi (Duke University) e Marcelo Medeiros (IPEA) discutiram, com mediação de Márcia Lima, […]

Gestão do biênio 2017-2018: Carlos Eduardo Torres Freire, Ronaldo de Almeida, Angela Alonso e Graziela Castello  Angela Alonso foi mais uma vez escolhida como presidente do CEBRAP. A definição ocorreu durante a Assembleia de Sócios realizada na última sexta-feira, 19/5, no auditório do CEBRAP, que contou com a presença de membros do conselho e sócios […]

Foi realizado na noite desta quinta-feira, 13/7, em Berlin, o encontro de abertura do seminário de inauguração doMerian Centre Conviviality in Unequal Societies: Perspectives from Latin America. A iniciativa é formada por um consórcio de sete instituições de pesquisa de ciências sociais e humanidades – Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP), Universidade de São […]

O Núcleo de Instituições Políticas e Eleições (NIPE), vinculado ao Cebrap, abriu edital de seleção para um(a) bolsista de pós-doutorado para atuar em pesquisa sobre representação política e polarização legislativa no Brasil no âmbito do Projeto de Auxílio à Pesquisa “Instituições Políticas, Padrões de Interação Executivo-Legislativo e Capacidade Governativa”, sob a coordenação de Fernando Limongi. […]