Livro 1964: do golpe à democracia é lançado na Livraria Cultura

A noite desta quarta-feira, 10/6, marcou o lançamento do livro 1964: do golpe à democracia, obra idealizada pelo Cebrap com apoio do BNDES. Realizado na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo, o evento contou com a presença das organizadoras da obra, as pesquisadoras Angela Alonso e Miriam Dolhnikoff, e também de alguns autores que contribuíram no livro. Confira nas fotos abaixo.

1964: do golpe à democracia, reúne textos inéditos de muitos dos mais importantes protagonistas da história brasileira recente, e também dos principais pensadores políticos contemporâneos. São eles: Fernando Henrique Cardoso, José Arthur Giannotti, Paul Singer, Francisco de Oliveira, José Carlos Dias, Paulo Sérgio Pinheiro, Elza Berquó, Maria Hermínia Tavares de Almeida, Ismail Xavier, Marcos Napolitano, Marcos Nobre, Fernando Limongi, Wanderley Guilherme dos Santos, Paulo Vannuchi, Argelina Cheibub Figueiredo, Isaura Botelho, Jorge Ferreira, Rodrigo Patto Sá Motta, Brasílio Sallum Jr. e Glenda Mezarobba.

Além de depoimentos pessoais e textos de intelectuais que vivenciaram o golpe e os “anos de chumbo” e hoje trabalham na restauração do sentido histórico dos acontecimentos e na indicação dos responsáveis pelos atos da ditadura militar, também comparecem pesquisadores que, em trabalhos recentes, trazem novas perspectivas para o debate. O conjunto lança uma forte luz sobre dois momentos cruciais da história brasileira. De um lado, o contexto pré-1964, o golpe militar e seus desdobramentos mais imediatos; de outro, seu “rescaldo” a longo prazo, o modo como as instituições e os atores políticos lidaram com o “entulho autoritário”, da Redemocratização até os turbulentos dias de hoje.

Os interessados em comprar o livro podem clicar aqui.

Leia Também

Em 8 de junho, o Cebrap recebeu um seminário especial em homenagem ao saudoso Paul Singer (1932-2018). Em meio a lembranças e análises, Maria Hermínia Tavares e Frederico Mazzucchelli falaram sobre um dos livros mais importantes da carreira do economista, o clássico “São Paulo 1975: Crescimento e Pobreza”. “A percepção pós-golpe de 1964, vinda de […]

O Desafio Mobilidade Itaú-Cebrap 2017 tem o objetivo de fomentar a produção de conhecimento sobre mobilidade por bicicleta no Brasil. O programa apoiará a produção de cinco artigos acadêmicos inéditos sobre o tema “A bicicleta na mobilidade urbana”. Serão selecionados cinco pesquisadores com propostas de estudos que serão desenvolvidos por seis meses. Os selecionados receberão […]

O relatório da pesquisa O Brasil, as Américas e o mundo,  descreve as percepções do público brasileiro e de líderes, vinculados a questões internacionais,  sobre política externa e questões internacional. A pesquisa faz  parte de uma parceria acadêmica internacional entre equipes de pesquisadores de vários países da América Latina — Argentina, Brasil, Chile, Colômbia,  Equador, México  […]

Gestão do biênio 2017-2018: Carlos Eduardo Torres Freire, Ronaldo de Almeida, Angela Alonso e Graziela Castello  Angela Alonso foi mais uma vez escolhida como presidente do CEBRAP. A definição ocorreu durante a Assembleia de Sócios realizada na última sexta-feira, 19/5, no auditório do CEBRAP, que contou com a presença de membros do conselho e sócios […]