Cebrap participa do lançamento do Observatório Brasileiro das Desigualdades em Brasília

O Cebrap participou do lançamento do Observatório Brasileiro das Desigualdades que aconteceu no dia 30/8, no Conselho de Desenvolvimento Social Sustentável, em Brasília.

O Cebrap auxiliou as organizações do Pacto Nacional pelo Combate às Desigualdades na escolha, cálculo e análise dos indicadores de desigualdade com a ajuda dos pesquisadores do Núcleo de Desenvolvimento Tomás Wissenbach, que coordenou o estudo, e Jonas Bicev, com a colaboração dos pesquisadores Edgard Fusaro e Vitor Vanetti.

O Observatório Brasileiro das Desigualdades monitorará anualmente indicadores relacionados a educação, saúde, renda, riqueza e emprego, segurança alimentar, segurança pública, representação política, clima e meio ambiente, acesso a serviços básicos e desigualdades urbanas. As desigualdades de raça/cor, gênero e regiões brasileiras são analisadas em todos esses temas. O primeiro diagnóstico destacou um cenário de desigualdades significativas e desafios estruturais em todas as áreas.

Essa iniciativa faz parte do Pacto Nacional de Combate às Desigualdades, que reúne mais de 60 organizações da sociedade civil e busca unir esforços de toda a sociedade para tornar a promoção de um país mais justo e equitativo uma prioridade nacional. Para alcançar esse objetivo, o Pacto inicialmente monitora as diversas dimensões da desigualdade no Brasil, incentiva o mapeamento das desigualdades pelo governo, reconhece políticas públicas bem-sucedidas de combate às desigualdades e sugere medidas para que municípios, sindicatos e empresas possam agir nesse tema.

Além disso, foi lançada a frente Parlamentar Mista de Combate às Desigualdades, que envolve a participação popular na proposição de medidas legislativas para combater várias formas de desigualdade na sociedade brasileira. A iniciativa conta com a coordenação de Jaques Wagner (PT-BA), no Senado, e de Guilherme Boulos (Psol-SP), na Câmara. O grupo já conta com 190 deputados e 20 senadores.

Estiveram presentes no lançamento do Observatório os ministros Alexandre Padilha (Secretaria de Relações Institucionais), Anielle Franco (Igualdade Racial), Marina Silva (Meio Ambiente e Mudança do Clima), Luciana Santos (Ciência, Tecnologia e Inovação) e Waldez Góes (Integração e do Desenvolvimento Regional), o secretário-executivo do Conselho, Paulo Pereira, e outros conselheiros.

Acesse o relatório completo aqui.

Leia Também

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS – PESQUISA DE MERCADO MODALIDADE: MENOR PREÇO GLOBAL O Centro Brasileiro de Análise e Planejamento – CEBRAP, em virtude do Convênio SCON2016-02872, torna público que fará Cotação Prévia de Preços – Pesquisa de Mercado, para contratação de serviços de Coffee Break. Confira no link abaixo: Termo de referência 09-2017

O Centro Brasileiro de Análise e Planejamento – CEBRAP, manifesta profundo pesar pelo falecimento de Luiz Werneck Vianna, intelectual público de extraordinária influência ao longo de mais de quatro décadas da vida política nacional. Sua condição de intelectual público nutriu-se de seu profundo compromisso com a defesa da democracia, expressos na sua militância clandestina no […]

O Desafio Mobilidade Itaú-Cebrap 2018 tem o objetivo de fomentar a produção de conhecimento sobre mobilidade por bicicleta no Brasil. O programa apoiará a produção de cinco artigos acadêmicos inéditos sobre o tema “A bicicleta na mobilidade urbana”. Serão selecionados 5 pesquisadores com propostas de estudos que serão desenvolvidos em seis meses. Os selecionados receberão […]