A relação entre desigualdades raciais e a Covid-19 são tema de informativos semanais do Afro-Cebrap

Um dos trabalhos em andamento do Afro-Cebrap começou a divulgar no final de outubro de 2020 uma série de informativos semanais sobre seus achados e análises. Com patrocínio da Ford Foundation, e apoio da Fundação Tide Setubal e do Instituto Ibirapitanga, a pesquisa “Desigualdades Raciais e Covid-19” tem como objetivo sistematizar, analisar e divulgar “dados qualitativos e quantitativos sobre as desigualdades raciais antes, durante e após a pandemia, monitoramento e análise dos debates públicos sobre os impactos nas populações negras”.

Na página da pesquisa é possível baixar o PDF de todos os informativos conforme forem lançados (geralmente às sextas), mas os divulgaremos semanalmente nas redes sociais do Cebrap, Facebook e Twitter. Até o presente momento foram lançados três informativos:

#1 Desigualdades Raciais e Covid-19: o que a pandemia encontra no Brasil?
#2 Desigualdades raciais de mobilidade e acesso a serviços de saúde de alta complexidade em São Paulo
#3 As desigualdades educacionais e a Covid-19

A equipe do projeto “Desigualdades Raciais e a Covid-19” é formada por Márcia Lima (coordenação), Anna Carolina Venturini, Caio Jardim Sousa, Huri Paz, Hugo Nicolau Barbosa de Gusmão, Gisele Silva Costa, Jaciane Milanezi, Renata Braga e Thayla Bicalho Bertolozzi.

ATUALIZAÇÃO

#4 População negra e prisão no Brasil: impactos da Covid-19
#5 Mulheres negras na pandemia: o caso de Agentes Comunitárias de Saúde (ACS)
#6 O impacto da Covid-19 sobre as comunidades quilombolas
#7 Desigualdades raciais e de gênero no mercado de trabalho em meio à pandemia

Leia Também

O Núcleo de Instituições Políticas e Eleições (NIPE) do Cebrap está disponibilizando uma vaga de pós-doutorado, com bolsa pré aprovada pela Fapesp, para atuar em pesquisa sobre presidencialismo e coalizões de governo no Brasil e na América Latina no âmbito do Projeto Temático “Instituições Políticas, Padrões de Interação Executivo-Legislativo e Capacidade Governativa”, sob coordenação de […]

No terceiro episódio da série #CebrapPesquisa, a socióloga Ana Paula Galdeano fala sobre “Tráfico de drogas entre as piores formas de trabalho infantil”. A pesquisa, financiada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente [CMDCA] e Fundo Municipal da Criança e do Adolescente [FUMCAD] da Prefeitura de São Paulo, discute o trabalho infantil […]

O Cebrap lamenta o falecimento de uma de suas mais antigas associadas, a Professora Maria Nazareth Ferreira. Especialista em movimentos sindicais e cultura popular, Maria Nazareth era professora titular aposentada da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.