Confira a terceira edição do Policy Brief da Cátedra Itinerante

Com o aprofundamento da pobreza e da desigualdade em todo o mundo tem crescido a importância de programas de inclusão produtiva tanto para as áreas urbanas como rurais. Ao desenhar novos programas, é fundamental levar em consideração experiências já acumuladas, aproveitando os aprendizados e evitando possíveis equívocos.

Quais são as principais lições que podem ser extraídas dos programas de inclusão produtiva rural empreendidos pelos governos latino-americanos em âmbito nacional nas décadas iniciais do século XXI?

Para responder a este questionamento, a terceira edição do Policy Brief da Cátedra Itinerante destaca aprendizados e desafios a partir da análise de cinco programas da América Latina, considerada um dos principais centros de inovação nas políticas de inclusão produtiva rural.

Confira a edição completa do Policy Brief aqui.

Leia Também

O Panorama Quilombola, projeto do Afro-Cebrap, apresentou os resultados da pesquisa Quilombos e Acesso à Justiça: a atuação da Defensoria Pública no I Encontro da Frente Afro-Indígena das Defensoras e dos Defensores Públicos do Brasil. O pesquisador José Maurício Arruti apresentou no I Encontro da Frente Afro-Indígena das Defensoras e dos Defensores Públicos do Brasil, […]

Dando prosseguimento às comemorações dos nossos 50 anos, o Cebrap promove, em nova parceria com o Sesc, as Jornadas Sesc Cebrap: Pesquisa e Futuro. Pensando em uma agenda para pesquisas em ciências sociais, especialistas debatem assuntos como tecnologia, práticas culturais, drogas, raça, mobilidade e políticas públicas. Todos os debates acontecerão no Centro de Pesquisa e […]

O Cebrap apoia iniciativa da ANPOF [Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia], em parceria com a ANPOCS [Associação Nacional de Pós-Gradução e Pesquisa em Ciências Sociais], solicitando ao Senado a reinserção dos conteúdos curriculares de Filosofia e Sociologia como componentes obrigatórios do currículo do ensino médio com carga horária de 12 períodos distribuídos em três anos […]