Desigualdades Raciais e Primeira Infância

O Afro-Cebrap desenvolveu uma pesquisa sobre desigualdades raciais e primeira infância sob coordenação de Matheus Gato e Márcia Lima. O estudo conta com dados quantitativos mostrando um panorama sobre os dados disponíveis da primeira infância no Brasil, conduzida por Leonardo Souza e uma frente qualitativa, que contou com um breve trabalho de campo em creches no estado do Maranhão, em São Luiz, coordenado pela antropóloga Silvia Aguião, além de uma extensa revisão bibliográfica conduzida pela socióloga Karina Fasson.

Acesse a publicação aqui. 

Ou visualize abaixo.

Assista ao evento de lançamento, acessando aqui.

Leia Também

Neste 19 de setembro de 2020, a antropóloga, pesquisadora e professora universitária Ruth Cardoso (1930-2008) completaria 90 anos. Com o objetivo de relembrar seu legado para as ciências humanas brasileiras, convidamos uma especialista em sua obra, a também antropóloga Teresa Caldeira, para comentar o último artigo de Ruth Cardoso publicado na Novos Estudos Cebrap, em […]

Na manhã desta terça-feira, 8/8, foi realizada uma cerimônia para homenagear a pesquisadora e sócia-fundadora do CEBRAP, a demógrafa Elza Berquó. Durante o evento, que contou com a presença de importantes membros da história da instituição, foi inaugurada a nova placa do auditório do CEBRAP. Agora, o espaço passa a se chamar Auditório Elza Berquó. […]

O Cebrap, em parceria com o Instituto Phi e a Fundação José Luiz Egydio Setúbal, realizou a conferência “Filantropia: Uma Perspectiva Acadêmica”, no dia 27/7. O evento explorou a intersecção entre filantropia e ciência, discutindo a institucionalização da pesquisa filantrópica no Brasil. Duas mesas de debate abordaram “Filantropia no Brasil” e “Produção de Conhecimento e […]