Fundação FHC promove debate sobre mercados ilícitos com participação do Cebrap

A Fundação Fernando Henrique Cardoso sediará no dia 23 de julho o debate “Mercados Ilícitos e Desenvolvimento no Brasil”, uma parceria com o Cebrap, a International Drug Policy Unit da London School of Economics [Reino Unido] e a Global Initiative Against Transnational Crime [Suíça]. O objetivo do encontro é discutir as conexões entre o legal e o ilegal, crime e justiça, e de como institucionalidade e repressão levam à coexistência de sistemas paralelos e conflitantes de regulação da ordem urbana, afetados pelo funcionamento de mercados ilegais violentos, lucrativos e, muitas vezes, transnacionais.

O evento marca também o lançamento da edição especial da Revista sobre Mercados Ilícitos e Desenvolvimento, da London School of Economics, que conta com artigos sobre diversos aspectos relacionados aos mercados ilícitos no Brasil. A revista tem acesso aberto e pode ser acessada, em inglês e português, no site do Journal of Illicit Economies and Development.

O debate “Mercados Ilícitos e Desenvolvimento no Brasil” é um evento gratuito, mas tem vagas limitadas, portanto é necessário fazer inscrição prévia AQUI.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

8h30 Credenciamento e welcome coffee

9h Abertura
Sergio Fausto (Fundação FHC)
John Collins (Diretor-Executivo da International Drug Policy Unit – London School of Economics)
Maurício Fiore (CEBRAP)
Juliana Carlos (co-editora do JIED Brasil)

9h30 Mesa 1: Dinâmicas dos mercados ilegais no Brasil
Moderação: Sergio Fausto (Fundação FHC)
Comentários: Maurício Fiore (CEBRAP)

– ‘O tráfico de drogas nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro’, por Carolina Grillo (Professora assistente e pesquisadora de pós-doutorado em Ciências Sociais da Universidade Federal Fluminense)

– ‘Interações entre os trabalhos sociais e os mercados ilícitos’, por Marcella Araújo (Professora adjunta do Departamento de Sociologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro)

11h Mesa 2: Mercados ilegais e políticas públicas
Moderação: Sergio Fausto (Fundação FHC)
Comentários: Fábio Bechara (Promotor de Justiça em São Paulo)

– ‘Sistema de justiça e mercados ilícitos de drogas’, por Luiz Guilherme Paiva (Co-editor da edição especial do Journal of Illicit Economies and Development)

– ‘Política de drogas e prioridades policiais no Estado de São Paulo’, por Leonardo Silva (Coordenador de Projetos no Instituto Sou da Paz)

– ‘Juventude periférica, participação política e construção de alternativas’, por Sabrina Martina (Fundadora do Movimentos-RJ, idealizadora do Slam Laje e fundadora dos Poetas Favelados)

Leia Também

Integrante da École de Hautes Études en Sciences Sociales, o sociólogo Daniel Cefai esteve no Cebrap em 4 de julho apresentando, em português, o seminário “Público, Socialização e Politização: reler John Dewey na companhia de George Herbert Mead”. Cefai também disponibilizou texto que deu origem ao seminário: Cefai – Público Politização Socialização

No mês de agosto, o cebrap.lab oferece 5 laboratórios, abordando técnicas quantitativas e qualitativas, além de um laboratório especial dedicado a desenho de projetos de pesquisa. Confira a programação: 1 a 5 de agosto: Desenho de pesquisa (com a equipe do Núcleo de Desenvolvimento do Cebrap) 8 a 12 de agosto: Condução de entrevistas e análise de dados […]

O segundo dia de atividades da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais aconteceu em um sábado, 24 de março, e a única atividade foi uma mesa redonda que reuniu Otaviano Canuto [The World Bank], Marta Arretche [USP/CEM-Cebrap] e Ricardo Paes de Barros, chefe economista do Instituto Ayrton Senna e professor no Insper [Instituto de […]