Projeto ‘Fortalecendo Redes Culturais’ divulga relatório final

Financiado pelo IFCD (International Fund for Cultural Diversity) da Unesco, o projeto Fortalecendo Redes Culturais‘ foi desenvolvido entre os meses de abril de 2018 e agosto de 2019 em quatro cidades de quatro regiões diferentes: Embu das Artes, no Estado de São Paulo (Região Sudeste); Toledo, no Estado do Paraná (Região Sul); Macapá, no Estado do Amapá (Região Norte) e Serra Talhada, no Estado de Pernambuco (Região Nordeste). Coordenado pela socióloga Maria Carolina Vasconcelos Oliveira, o projeto teve como objetivo mais amplo o fortalecimento das redes e das cadeias de produção cultural locais. Para isso, as atividades desenvolvidas buscaram a mobilização de redes, o estímulo à interlocução entre atores públicos e da sociedade civil envolvidos na cena cultural, a qualificação da participação da sociedade civil nas estruturas de governança da cultura, bem como a elaboração conjunta de diagnósticos locais.

Confira o relatório final do projeto: Rel_FortalecendoRedesCulturais

E veja abaixo um minidocumentário sobre o projeto.

 

Leia Também

“Aos meus filhos e seus companheiros de geração, para que façam mais e melhor”. Eis a dedicatória de Paul Singer em ‘Desenvolvimento e Crise’ [Difusão Europeia do Livro, 1968]. Tais palavras têm um significado múltiplo: o amor incondicional aos seus, o compromisso com a transformação, a esperança na juventude e a permanente busca do aperfeiçoamento. […]

O governador José Serra participou na terça-feira, 24, das comemorações dos 40 anos do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap). O governador José Serra participou na terça-feira, 24, das comemorações dos 40 anos do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap). Durante o evento foram lançados o documentário e o livro “Retrato do Grupo” […]

  O Instituto Merian (Maria Sibylla Merian International Centre in the Humanities and Social Sciences “Conviviality in Unequal Societies: Perspectives from Latin America“) é um consórcio de pesquisa formado por pesquisadores de ciências sociais e humanidades de sete instituições: – Universidade de São Paulo (USP) – Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP) – Universidade […]