The Bolsonaro Paradox: The Public Sphere and Right-Wing Counterpublicity in Contemporary Brazil

A apresentação do livro “The Bolsonaro Paradox: The Public Sphere and Right-Wing Counterpublicity in Contemporary Brazil”, de autoria de Camila Rocha, Esther Solano e Jonas Medeiros, aconteceu em 19/11 durante o Cebrap Lança – série de seminários com o objetivo de divulgar publicações e obras dos pesquisadores da Casa.

A publicação é uma investigação acadêmica aprofundada sobre o movimento que levou Jair Bolsonaro à Presidência no Brasil, tendo como pano de fundo a onda global de novos movimentos de direita.

O livro está disponível no site da editora Springer aqui.

Assista à live de lançamento do livro:

Leia Também

Confira as publicações do estudo “Adeus às chaves: perfil, segurança e o momento da transição”, resultado de uma parceria entre o Cebrap e a Fundación Mapfre. A pesquisa busca compreender a relação entre o público sênior e a condução de automóveis no país. As pessoas idosas, atualmente, representam 18% dos condutores habilitados no país. A […]

O CEBRAP lamenta a perda de Antonio Candido, autor de extensa e inestimável contribuição para o pensamento social no Brasil e no mundo. Membro do quadro de sócios do CEBRAP desde 1971, Candido foi um mestre para várias gerações de pesquisadores em literatura e ciências humanas. Que a erudição e o rigor crítico do professor […]

O Cebrap promoveu no dia 17/11 o evento “Cebrap Lança: Arquiteturas Religiosas e a Construção da Esfera Pública”, obra de Paula Montero e Carlos Procópio. Paula Montero (USP/Cebrap) e Carlos Procópio (IFSP) apresentaram a publicação, que analisa cinco casos distintos de construções religiosas no Brasil. Carlos Steil (UFRGS/Unicamp) também participou da mesa de debate. O […]

Está aberta a seleção de 2023 do Programa Internacional de Pós-Doutorado (IPP) do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), em São Paulo. Seguindo a pluralidade teórica e metodológica do Centro e as experiências anteriores de formação de quadros da Casa, o IPP selecionará até 10 doutoras(es), de diferentes nacionalidades, das áreas de antropologia, ciência […]