Em vídeo, todos os seminários do dia 2 do #Cebrap50anos

15 de maio de 2019 foi o segundo dia do seminário “Democracia à brasileira – Cebrap 50 anos” e os debates começaram tratando de instituições políticas, depois mobilizações sociais, e finalmente, desenvolvimento e trabalho. A segunda mesa do #Cebrap50anos reuniu Argelina Figueiredo (Cebrap/IESP), Maria Hermínia Tavares de Almeida (Cebrap/USP) e Fernando Limongi (Cebrap/USP/FGV) resgatando contribuições que o Cebrap deu ao debate político-institucional do país durante a transição à democracia e após a aprovação da Constituição de 1988. A partir daí usam-nas como ponto de apoio para mapear os diagnósticos correntes sobre a performance do atual quadro institucional brasileiro. Mediação de Miriam Dohlnikoff (Cebrap/USP).

Na terceira mesa, Angela Alonso (Cebrap/USP), Adrian Gurza Lavalle (Cebrap/USP) e Daniel Cefai (EHESS) abordaram as mobilizações políticas contemporâneas focando no modo pelo qual se constroem os problemas públicos, na dinâmica das manifestações sociais no espaço público e nas relações entre sociedade civil e Estado. Mediação de Arilson Favareto (Cebrap/UFABC).

Com mediação de Carlos Torres Freire, diretor científico do Cebrap, Elisabeth Reynolds (MIT), Glauco Arbix (Cebrap/USP) e Álvaro Comin (Cebrap/USP) trataram dos desafios para os processos de desenvolvimento no século 21. Qual a importância da inovação para o desenvolvimento econômico dos países? Quais os impactos esperados das novas tecnologias no mundo do trabalho? Quais são as políticas públicas adequadas para apoiar sistemas produtivos do futuro?

Abaixo, tradução simultânea em português da apresentação de Elisabeth Reynolds.

Veja também a íntegra das outras mesas:

Dia 1 – Abertura/Adam Przeworski

Dia 3 – Desigualdades/Religião/Debates políticos do espaço público

Leia Também

Está no ar nova pesquisa feita pelo Cebrap em parceria com o Itaú. Impacto Social do Uso da Bicicleta no Rio de Janeiro foi elaborada a partir de entrevistas domiciliares com indivíduos de 16 anos ou mais e amostragem com dois grupos distintos: população do município do RJ e ciclistas. A pesquisa foi coordenada por Carlos […]

O filósofo e professor da Unicamp Marcos Nobre é o décimo presidente do Cebrap. Frequentador da casa desde 1990 e co-fundador do Núcleo Direito e Democracia em 1999, Nobre começou sua gestão em 1º de junho e segue no cargo até maio de 2021 [com a possibilidade de renovação de mandato por mais dois anos, […]

Na edição deste domingo, 17/01, do jornal Folha de S.Paulo o projeto Bike Sampa, que conta com a consultoria técnica do Cebrap, foi destaque em uma reportagem que abordava o grande crescimento no uso noturno do sistema de aluguel de bicicletas por empréstimo do Itaú. De acordo com a matéria, o pico de utilização das […]

O segundo episódio do CebrapCast celebra os 40 anos da Revista Novos Estudos. Conduzido pela editora, Rita Palmeira, o episódio recebe três intelectuais com experiência no campo da pesquisa acadêmica e científica para discutir os desafios de produzir uma revista de humanidades na atualidade. Os convidados são Benôit de L’Estoile, do ENS/CNRS, Luiz Augusto Campos, […]